NOTÍCIA: Projeto de processamento de dados de homicídio é tema do IERBB/CONECTA

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Instituto de Educação Roberto Bernardes Barroso (IERBB/MPRJ), em parceria com o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (CAO CRIMINAL/MPRJ) transmitiu, na quinta-feira (03/09), pela ferramenta Teams, edição do IERBB CONECTA com o tema: “Entre a Rua e o Tribunal: Uma Análise do Processamento de Casos de Homicídio Doloso no Estado do Rio de Janeiro”.

A abertura do evento contou com a presença do procurador de Justiça Sávio Bittencourt, Diretor do Instituto, e da promotora de Justiça Somaine Patricia Cerruti Lisboa, coordenadora do CAO CRIMINAL/MPRJ.
A palestrante Joana Monteiro, economista e Coordenadora do Centro de Pesquisa do MPRJ, apresentou o Projeto Farol, que busca estabelecer um processo de medição e acompanhamento sistemático das atividades ministeriais na esfera criminal.
A economista abordou também as fases de processamento dos casos de homicídio no sistema de Justiça no Rio de Janeiro e, em seguida, apresentou a metodologia prospectiva do projeto, onde são analisadas as tramitações dos casos registrados em um determinado período.
O evento também contou com a participação da Analista do Centro de Pesquisa do MPRJ Maria Eduarda Lacerda Couto, que abordou as etapas analíticas do projeto.
Para finalizar o evento, foi aberto o debate entre os membros e servidores do MPRJ participantes a respeito do tema exposto pelas palestrantes.